Médico suspeito de abusar sexualmente de pacientes

2023-05-11 09:53:06

Foi detido um homem, médico de profissão, indiciado pela prática de crimes contra a liberdade sexual.

Através de um comunicado, a Polícia Judiciária, deu nota de que a Diretoria do Norte, identificou e deteve um homem pela presumível autoria de “crimes de violação e coação sexual ocorridos desde o ano passado em contexto de consulta médica em estabelecimento de saúde na região Norte”.
O arguido, médico de profissão, “no âmbito das suas funções de consulta em ambulatório em estabelecimento hospitalar público, com o pretexto de melhor efetuar o diagnóstico médico, terá sujeitado as vítimas à prática de atos sexuais abusivos”.
Segundo a Polícia Judiciária, “as vítimas, embora constrangidas, submetiam-se às referidas práticas, dada a situação de dependência em que se encontravam, bem como pela ignorância face aos alegados atos médicos em curso”.
O detido, de 60 anos de idade, sem antecedentes criminais, foi presente a primeiro interrogatório judicial tendo-lhe sido aplicadas as medidas de coação de suspensão de funções em qualquer estabelecimento de saúde público ou privado e proibição de contactos com as vítimas e testemunhas do inquérito.

Paulo Silva Reis

 


Subscrever newsletter



Login



Recuperar acesso